Notícias

Comandante Geral da PMPA diz que haverá laçamento de 1800 vagas no 1º Semestre de 2019

09/01/2019 15h40 - Atualizado em 09/01/2019 16h45

Em entrevista concecida à filiada da Rede Glogo no Pará, o novo Comandante Geral da Polícia Militar do Pará, Coronel Dilson Júnior, destacou as medidas que seu comando adotará para reverter o quadro da segurança pública no estado. Dentre as medidas, está a realização de novo concurso ainda no primeiro semestre deste ano.

Ainda segundo o Comandante, atualmente o efetivo da Corporação paraense é de 16 mil, porém, com previsão legal desde 2006 de um efetivo de 31.757 policiais. O défict é de cerca 50% e se deve a aposentadorias, havendo assim, a necessidade de recompo-lo.

Quanto à carêcia de efetivo, o Comandante afirmou que atualmente a PMPA deveria ter em seus quadros cerca de 32 mil policiais. Assim, é previsto pelo novo governo a realização de concurso para preenchimento de 1800 vagas anualmente.

Para o ano de 2019, Coronel Dilson Júnior afirmou que está previsto o lançamento de edital para 1800 vagas ainda no primeiro semestre do ano.

Sobre o último concurso

Em 2016 a Polícia Militar do Pará abriu edital com 2.194 vagas. Sendo 160 para o curso de formação de oficiais (nível superior), 34 para o Curso de Adaptação de Oficiais da Saúde (nível superior) e 2.000 para o curso de formação de praças (nível médio).

Para concorrer ao cargo de Soldado (Praça) foi exigido ensino médio completo, idade de 18 a 30 anos e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Para os demais cargos foi exigido nível superior.

Da remuneração

Durante a realização do Curso de Formação de Praças (CFP), previa o edital que o aluno soldado receberia remuneração de R$ 788,00. Após a conclusão do curso, a remuneração passaria para R$ 2.836,80.

Para os Oficiais, a previsão era de que durante a realização do Curso de Formação de Oficiais (CFO), o aluno oficial receberia remuneração de R$ 1.005,71. Na condição de aspirante a oficial, ele permaneceria com o mesmo valor de remuneração. Já durante e após a conclusão do Curso de Adaptação de Oficiais da Saúde (Cado), era previsto que o oficial aluno receberia remuneração de R$ 5.781,31. Além disso, previa o edital que todos os cargos fariam jus ao auxílio alimentação mensal no valor de R$ 650,00, durante e após a conclusão do curso.

Das provas

Para ter acesso às últimas provas aplicadas na PMPA, basta clicar sobre os respectivos nomes.

I - CURSO DE FORMAÇÃO DE OFICIAIS
       GABARITO

II - CURSO DE ADAPTAÇÃO DE OFICIAIS - MÉDICO TRAUMATOLOGISTA
       GABARITO

III - CURSO DE FORMAÇÃO DE PRAÇAS
       GABARITO

Acesse a intrevista na íntegra CLICANDO AQUI.

Concurso PM SP 2017-SOLDADO PM DE 2ª CLASSE
Concurso PM SP 2017
SOLDADO PM DE 2ª CLASSE